Tablet ou Smartphone, quem vai ganhar o brasileiro?

iPad2

Tablets estão cada vez mais ganhando espaço no mercado e, com o acordo brasileiro para reduzir preços de tablets, promete ganhar mais o gosto do consumidor.

Fino, leve, com conexão à internet, touch screen e ótima resolução na tela, os tablets são computadores portáteis, que na minha opinião, vão vencer facilmente o mercado dos netbooks, que nada mais são que notebooks com baixo processamento e muito menos prático que um tablet.

Galaxy Tab da Samsung, já imaginou usar isso como celular?

Mas… O brasileiro ainda encara um problema, até onde um tablet é mais interessante que um celular? Alguns meses atrás fui trocar meu aparelho celular e, para matar a curiosidade, perguntei como andava as vendas do Galaxy Tab da Samsung. A atendente me explicou que não estava vendendo muito bem e que a principal pergunta, que decepcionava à todos, era se ele poderia ser usado como telefone, e ainda completou dizendo que é comum alguém colocando o tal Tablet no ouvido imaginando como seria.

Os smartphones touch-screen já são um objeto de desejo, executam as mesmas tarefas que um tablet com velocidade de processamento pouco inferior (em alguns aparelhos) porém com telas menores e claro, são um telefone celular. Os tablets com certeza ganharão facilmente contra o mercado netbooks, mas o mercado de smartphones com certeza não será tão fácil, o aparelho pode ter tela menor e menos processamento, mas com certos planos de sua operadora saem muito mais barato e executam as mesmas funções e, obviamente, são telefones móveis.

É claro que os tablets podem se conectar por Skype, MSN, Gtalk entre outros, mas convenhamos que não são todos que possuem esses meios e que parece impossível dirigir um carro e usar o MSN, ou ate mesmo o Skype em conversação ao mesmo tempo (imagine alguém usando o MSN na pista da balada, rsrs).

Eu encaro os tablets (principalmente o iPad 2 da Apple) como objeto de desejo. Admito que levar meu notebook para todo canto, além de perigoso aqui em São Paulo, é uma tortura por causa de seu peso, isso torna o tablet ainda mais interessante para mim, mas ele nunca vai dispensar meu smartphone (afinal, ele é um celular), mas com certeza, o tablet me acompanharia mais que meu notebook na maioria das vezes.

No final das contas, os tablets representam um luxo, pois ele não dispensa nem um celular nem um notebook, luxo esse que faz toda diferença no mundo de serviços e entretenimento, é o caso do Bar Brahma em São Paulo, que usa o iPad como cardápio, podendo fazer o pedido sem esperar o garçom te encontrar.

Observando a propaganda do iPad 2 da Apple (vídeo abaixo), já cogitamos a idéia de possuir um tablet (até descobrir R$1649,00, preço atual do luxo).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s