WikiLeaks, a revolução da informação

Você com certeza já ouviu falar do WikiLeaks ou de seu criador Julian Assange, com todos os escândalos sobre a divulgação de arquivos secretos internacionais.

 

O que é o WikiLeaks?

WikiLeaks é uma organização de mídia sem fins lucrativos que traz informações secretas à publico. Sediado atualmente na Suécia, publica, em seu site, posts de fontes anônimas, documentos, fotos e informações confidenciais, vazadas de governos ou empresas, sobre assuntos sensíveis.

O site foi lançado em dezembro de 2006 e em meados de novembro de 2007 já continha 1,2 milhão de documentos. Seu principal editor e porta-voz é o australiano Julian Assange, jornalista e ciberativista.

Ao longo de 2010, WikiLeaks publicou grandes massas de documentos confidenciais do governo dos Estados Unidos, com forte repercussão mundial.

As grandes autoridades ficaram em alerta quando algumas notícias mostraram que eles realmente tinham arquivos secretos e não teriam medo de divulga-los, alguns como:

Existem muitos outros arquivos que vazam os segredos dos governos, principalmente os norte-americanos.

Em 2010, após a divulgação de diversos documentos secretos, Assange responde por estupro e por agressão sexual e as doações para o WikiLeaks (única forma de sustento do site) foram barradas pela MasterCard, Visa e PayPal. Atualmente, o site recebe diversas tentativas de invasão para retirar o site do ar, ordenado pelas autoridades internacionais, tentativas essas que não obtém sucesso, pois o site está hospedado em muitos outros servidores no mundo, sobre a defesa de hackers .

Fica claro que Assange conseguiu a atenção das autoridades, que parecem desesperadas para retirar o site do ar e ver seu criador na cadeia.

Hackers e Crackers se uniram para defender os direitos do site, realizando diversas invasões e hospedando o site em novos servidores pelo mundo.

Hoje, frente à uma mídia covarde e comandada por governos corruptos, temos a esperança na internet. Graças ao WikiLeaks, podemos ver que o direito de informação livre e inalterada ainda pode existir e que as autoridades nada podem fazer para conter a informação na internet. Viva la revolucion!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s